Em Juazeiro, funcionários terceirizados do Centro de Cultura João Gilberto continuam em greve e enfrentam tentativa de humilhação

Mais uma vez o Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza Intermunicipal Juazeiro e Região (Sindilimp) denuncia a tentativa de humilhação que os patrões, com a omissão do governo estadual, querem impor aos funcionários e funcionárias terceirizadas do Centro de Cultura João Gilberto (CCJG).

A paralisação continua até que tudo seja quitado. O início do movimento foi na quinta-feira (04), em protesto contra os atrasos salariais e demais direitos trabalhistas.

A direção do Sindilimp denuncia também que o governo estadual, em lugar de resolver o problema, não apresenta nenhuma proposta. Para piorar, contratou diaristas na intenção de enfraquecer o movimento.

Não vamos permitir isso, estão descartando esses trabalhadores como se eles fossem lixos. Não tem o menor cabimento o que está sendo feito em Juazeiro. Exigimos uma ação firme do governo estadual que contratou as empresas que não pagam o que devem. Hoje (08) está vencendo mais um mês de salário e as trabalhadoras e trabalhadores decidiram que só retornam quando tudo for pago.

Sindilimp, sempre presente e firme na luta em defesa da categoria!

Categorias: NOTÍCIAS

Tags: ,

Comentários estão fechados

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress