Basta de assassinatos no campo! Sindilimp-BA na luta ao lado do MST pela reforma agrária! Marcinho, presente!

A direção do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza Pública, Asseio, Conservação, Jardinagem e Controle de Pragas Intermunicipal (Sindilimp-BA) manifesta profundo pesar pelo covarde assassinato do companheiro Márcio Oliveira Matos, uma das mais destacadas lideranças do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Foi assassinado nesta quarta-feira (24) na cidade de Iramaia na região da Chapada Diamantina. Márcio ou Marcinho como era conhecido no MST na região da Chapada Diamantina, lutava por igualdade social e reforma agrária na Bahia.

Manifestamos repúdio e exigimos punição dos assassinos. Exigimos o fim da impunidade e que tudo seja apurado. A luta pela reforma agrária sob o controle dos trabalhadores continua.

A morte de Marcinho se dá neste momento de grande ataque à democracia e quando as forças conservadoras, de direita, ligadas aos grandes proprietários de terra, avançam na violência contra as lideranças sociais.

Nós continuaremos a luta que sempre moveu o companheiro Marcinho!

Ana Angélica Rabello – Coordenadora do Sindilimp-BA

Categorias: DESTAQUE

Tags:

Comentários estão fechados

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress